(...) Ao falar de arquitetura não pretendo referir-me apenas à imagem visível da cidade e ao conjunto das suas arquiteturas, mas antes à arquitetura como construção. Refiro-me à construção da cidade no tempo. (...) ; ela remete ao dado último e definitivo da vida da coletividade: a criação do ambiente em que esta vive.

            Entendo a arquitetura em sentido positivo, como uma criação inseparável da vida civil e da sociedade em que se manifesta; ela é por natureza, coletiva. (...)

A.Rossi 

To play, press and hold the enter key. To stop, release the enter key.

O adensamento da Cidade

A cidade de hoje, descendente dos processos de crescimento industrial acelerado, deve responder a novas necessidades, urbanas e habitacionais. De fato, em um contexto mundial cada vez mais urbanizado, em que as políticas da cidade visam o reconhecimento para tornar rentável o uso da terra, a maneira como a casa é construída se torna um ponto central do desenho urbano. É necessário agrupar famílias com uma estratégia urbana sustentável e, portanto, complexos multifamiliares são fatores determinantes na consolidação das cidades atuais.

O Centro, a Periferia e as Zonas de Adensamento

Os prédios de habitação coletivas espalham-se por toda parte, entupindo todos os bairros, onde quer que o comércio deixe alguns centímetros de terreno sem dono; amarrados em fileira ao longo das avenidas, e abarrotam o centro com multidões inquietas, reprimidas, eles mantem em suas garras a riqueza e o mundo dos negócios do mundo moderno Paulistas à sua mercê dos dias de lixamento e fúria.

Novos grupos de Prédios de Habitação Coletiva, nas periferias, surgem para tentar acalmar os ânimos exaltados da população sedentos por moradias que melhor representem seu estado de inércia, o mundo moderno trazia marcas que o atual mundo contemporâneo busca compor de outras maneiras, através da tecnologia e e o desenvolvimento humano. Se o coitado do imigrante não tivesse acesso a esses equipamentos, não teria acesso a nada.

Após alguns anos tudo seria novo, principalmente nas zonas periféricas, e o imigrante não encontrará as dificuldades que lhe trouxeram tanto sofrimento na época da partida de sua cidade Natal. Essas medidas deveriam ser acompanhadas de uma instalações e parques, para o seu novo convívio com a cidade atual, desejada.

Cidade Brasileira

Um passageiro ligeiro e provocante pela cidade no Brasil é o que se pretende. Estimular novas e mais profundas incursões, realçando algum ponto, levantando alguma dúvida, instigando maior discussão. Atentar para os aspectos gerais, seus espaços vazios, áreas construídas e para certos aspectos de interesse particular. Procurar peculiaridades na sua correlação com os demais, na sua situação, na sua conformação. Dentre as inúmeras facetas do fenômeno urbano, em fim, destacar o que a paisagem revela da sua vida típica. Busca-se , na verdade, o prisma mais caro ao arquiteto, atenção maior ao ambiente físico e a suas características, ao espaço comum e à volumetria do todo. A cidade, como tal, é obra de todos e, por isso, muito grande e complexa; empenho continuado de gerações. O resultado do seu fazer e de evidentes ou sutis transformações se mostra revelador. O seu passado, como outros fatores do meio físico e social, condiciona a cena e o drama citadinos. Conhecer, portanto, a história de cada aglomeração e a de todas as demais.

 
dnsps23.mercadolibre.com